HOME    LIVROS   BIOGRAFIA    COMENTÁRIOS    ENCOMENDAS    CONTACTOS
Vivemos no século XXI,
mais de 40 anos depois do
primeiro homem ter pisado a Lua,
na era das fibras ópticas e do despontar da
inteligência artificial, e, no entanto, ainda tememos
um Deus vingativo, aleatoriamente misericordioso,
ao qual os teólogos insistem em atribuir leis
insanas de outras eras que não a nossa.
Mesmo assim esperamos conquistar
um lugar no céu...
Será?!
“Deus podia ter sido uma ideia interessante
mas tornou-se um pesadelo insuportável”.
Carlos Esperança
Presidente da Associação
Ateísta Portuguesa

leitor@sergiolorre.net